25 de mai de 2012

NÃO PRESUMA



Este pode ser o verso mais conhecido da Bíblia em nossa cultura:

“Não julguem, para vocês não sejam julgados.”
 Mateus 7.1

Como um dos versos mais populares da nossa sociedade, é também um dos mais mal compreendidos. Muitas pessoas, não cristãs e cristãs, tomam as palavras de Jesus para rejeitar generalizadamente a avaliação moral. Porém, dado que Jesus faz alusão a seus opositores como cães e porcos cinco versículos mais tarde, é claro que Jesus não estava condenando todo tipo de julgamento. Vemos pelo resto do Evangelho que Mateus 7.1 não é inconsistente com fortes críticas, declarações negativas, disciplina da igreja e as advertências sobre o inferno. Farisaísmo não é o mesmo que fazer exigências éticas e doutrinárias ou acreditar que outros estão errados.


E ainda, depois de todas as qualificações necessárias, não podemos silenciar este importante comando. Como pecadores, estamos aptos a assumir o pior sobre as pessoas. Estamos ansiosos para encontrar comparações favoráveis que nos fazem parecer melhores à custa dos outros. Somos rápidos em medir as pessoas e em achar que sabemos tudo sobre elas. Mas eu aprendi ao longo dos anos, tanto como juiz quanto julgado por suposições assim, que o melhor é não presumir.

Não presuma que você sabe todos os fatos depois de ouvir só um lado da história.
Não presuma que uma pessoa é culpada apenas por acusações fortes feitas contra ela.
Não presuma que você entende o coração de um blogueiro depois de ler um post.
Não presuma que o famoso autor, pregador, atleta, político ou celebridade local não vai ler o que você escreve e não presuma que eles não se importam com o que você diz.
Não presuma que a pessoa divorciada é a culpada do divórcio.
Não presuma que a mãe solteira não está seguindo Jesus.
Não presuma que o cara de missões é menos do que um homem ou menos do que um cristão.
Não presuma que o pastor à procura de trabalho é um pastor ruim.
Não presuma que a igreja que luta ou falha é uma igreja ruim.
Não presuma que você seria uma mãe melhor.
Não presuma que crianças ruins são o resultado de pais ruins.
Não presuma que seus pais não sabem de nada.
Não presuma que todos deveriam largar tudo para atender às suas necessidades, e não presuma que ninguém o fará.
Não presuma que os ricos não são generosos.
Não presuma que os pobres são preguiçosos.
Não presuma que você sabe quem eles são depois de conhecer um ou dois de seu tipo.
Não presuma que você deve ler nas entrelinhas.
Não presuma que você tenha interpretado corretamente as emoções do e-mail.
Não presuma que todos se esqueceram de você.
Não presuma que quiseram deixá-lo fora da lista.
Não presuma que todos os outros tem uma vida encantada.
Não presuma que um mau dia faz dela uma amiga ruim.
Não presuma que o arrependimento não é genuíno.
Não presuma que o perdão não é sincero.
Não presuma que Deus não pode mudar você.
Não presuma que Deus não pode amar você.
Não presuma que Deus não pode amar os outros.



iPródigo.com 
original de thegospelcoalition.org

Nenhum comentário: