12 de fev de 2013

CARNAVAL – UMA “PEQUENA” REFLEXÃO SOBRE ELE


Ao ser convidado pelo Acorda Jovem a publicar um conteúdo com referência ao carnaval, fiquei a principio num dilema sobre o que escrever, então num momento passei a lembrar de algo que muito me chama a atenção no carnaval que é o crescimento alarmante de acidentes, assassinatos, proliferação de doenças de vários tipos e lares familiares desestruturados e destruídos e então passei a perguntar ao Senhor o porque disso tudo, e, num momento após de silêncio o Senhor me revelou a humanidade O buscando mesmo que de forma esporádica diariamente e assim trazem pra si a proteção divina de acordo a procura feita, mas durante o carnaval parte da humanidade esquecem de buscar ao Senhor, O rejeitam de forma espantosa O desprezando e muitas vezes O escarnecendo, dessa forma rejeitando a proteção divina e fazendo alusão ao inimigo das nossas almas, passando a serem como um boneco marionete sobre o controle dele.
Até que ponto pode ir a degradação humana rejeitando a presença do Senhor que fez o céu e a terra e se entregar a um caminho altamente perigoso e muitas vezes sem volta sobe domínio do diabo através das suas sutilezas enganadoras onde os envolvidos veem tudo com muita naturalidade como beber ainda mais em excesso em busca de uma ilusória alegria os fazendo perder a razão e o bom senso, aliás, já perdido ao fazer a escolha da entrega pessoal à pessoa errada (diabo)? Isso sem falar que ai vem às demais consequências como uma bola de neve onde quem bebeu depois quer dá uma de valentão brigando com todos por nada, e outros dirigir o carro ocasionando acidentes onde vidas são ceifadas... Enfim tudo isso por conta de abrirem mão da presença protetora e redentora do Senhor. 

Será que vale a pena mesmo essa decisão e caminho a escolher em benefício dos prazeres carnais abdicando dos prazeres e comunhão espirituais? Pôr em jogo uma vida (muitas vezes várias) por conta de alguns dias? Buscar uma falsa alegria obtida forçadamente através do álcool e drogas que após o efeito revela uma triste realidade degradante moral e social pelos comportamentos realizados. Será essa realmente a liberdade? Liberdade baseada numa escravidão de alguns dias de carnalidades, álcool e drogas onde sem isso não conseguem se alegrar. Qual o benefício desse tal carnaval a natureza humana? Beneficiado só um: o diabo mediante a entrega de muitos a ele nesse período. Mas não se preocupem, vocês que vão se entregar nesse carnaval se curvando perante a vontade do diabo, pois enquanto você mundo se curva, nós a igreja do Senhor permanecemos de pé porque o verdadeiro prazer, gozo e alegria só em Cristo Jesus!



Nenhum comentário: