11 de mai de 2013

IRMÃO DEDO DURO


Como você se sentiria se tudo que você fizesse (de errado) alguém fosse contar a seus pais? Com certeza ninguém vai gostar disso. Agora já imaginou isso sendo feito justamente por um dos seus irmãos? Acredito que muitos (ou todos) já
passaram por situações onde já foram entregues, ou já entregaram um irmão a seus pais, muitas vezes pra se vingar de algo feito por ele, outros pelo simples prazer de ver o irmão numa situação difícil... enfim, quem tem irmãos já passou ou vai passar por isso, e quem não tem irmãos a vida se encarrega de trazer algum dedo duro a sua vida na forma de um vizinho, primo, etc.
Na bíblia temos um exemplo de um irmão dedo duro que passa despercebido por muitos, que foi José filho de Jacó, esse mesmo José que foi vendido pelos irmãos como escravo. Fato esse ocorrido pela inveja e fúria de seus irmãos. Mas sabe como tudo isso começou? Vamos ver o que diz na bíblia em Gênesis 37.2 que diz: “Esta é a história de Jacó. Tendo José dezessete anos, apascentava os rebanhos com seus irmãos; sendo ainda jovem, acompanhava os filhos de Bila e os filhos de Zilpa, mulheres de seu pai; e trazia más notícias deles ao seu pai.”  Como vemos aqui, José sempre dedurava seus irmãos ao seu pai e ai gerou raiva de seus irmãos e em contrapartida a inveja que unida com a raiva nada bom produz como foi o desfecho com seus irmãos que tentaram o matar mas depois por interferência de um dos seu irmãos (Rubem).
Qual será o destino que queremos para nós e nossos irmãos? Será que continuar dedurando ele vai realmente ajudar ele e você? Já tentou ao invés de o entregar contando algo que fez de errado conversar com ele com calma, o aconselhar? Ponha-se no lugar dele. O que você gostaria que ele fizesse com você? O dedurar ou lhe aconselhar? O sábio aconselha o irmão, porém o tolo delata-o. Pense bem nisso e faça agora sua escolha: Ser sábio ou continuar sendo um tolo.

Nenhum comentário: