29 de jul de 2013

AINDA HÁ ESPERANÇA PARA SUA VIDA.


Quero iniciar este devocional, primeiramente fazendo menção do versículo de Jeremias 17. 7 “Bendito o homem que confia no Senhor e cuja esperança é o Senhor”. A citação deste trecho bíblico é para você memorizar que bendito é o homem que tem o Senhor como sua esperança.
O personagem bíblico, que será exposto aqui é Jó. Sobreviveu das cinzas porque confiou e teve esperança no Senhor. No capítulo 14. 7-9 de seu livro, lemos a seguinte afirmação “Porque há esperança para a árvore que, se for cortada, ainda se renovará, e não cessarão os seus renovos. Se envelhecer na terra a sua raiz, e o seu tronco morrer no pó, ao cheiro das águas brotará, e dará ramos como uma planta.”
Através do seu livro, vemos que Jó perdeu todos os seus filhos, todos os seus bens, gados, fazendas, da maneira mais trágica e terrível.
Mesmo que o Senhor retire um conforto após outro, ainda que a saúde se arruíne, e aflições seguidas venham sobre nós, podemos mediante a graça de Jesus, confiar em Deus com fé inabalável, seguro de que Ele é reto justo e bom. A Bíblia testifica que Jó era homem sincero, reto e temente a Deus; e desviava-se do mal.
Conhecendo essas características e a própria afirmação de Deus a satanás quando disse que o seu servo era temente e desviava-se do mal. [1. 8] Percebemos que ele passa por uma aflição espantosa.
Repetidamente Jó fala da angústia de sua alma, mas com total evidência, pois ele sofreu em todos os aspectos de sua vida. Fisicamente, perdeu suas riquezas, filhos e saúde (como citei acima), socialmente ficou privado dos seus amigos e familiares. No cap 19, observaremos a dor do abandono, e angústia que ele se encontrava. Espiritualmente ele sentia-se abandonado por Deus, acreditando que o Senhor se voltara para ele.
Há um declínio e reviravolta enorme na vida de Jó. Mas é tremendo quando no versículo 25 do cap. 19 ele diz: “Eu sei que o meu Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra. E depois de consumida a minha pele, ainda em minha carne verei a Deus.” A sua confiança em Deus é nítida quando ele diz a sua mulher que jamais amaldiçoaria o seu Deus.
Através deste breve relato, quero dizer a você que independente da situação que você esteja passando, ou o desespero que aflige a sua alma, a ponto de você não querer mais viver, lembre-se: há esperança para a sua vida. Por mais difícil que seja a sua dor, aguente por que vai passar. Mesmo que você olhe para os lados e não veja saída nem muito menos solução, saiba que o deserto que você enfrenta não é para a vida toda.  Deus restituiu duas vezes mais os bens de Jó e toda sua saúde. E lhe deu outros filhos. Jó obteve bênçãos grandiosas, ele pode conhecer de perto a providência de Deus, e foi enfático ao dizer: “Bem sei eu que tudo podes, e nenhum dos teus pensamentos pode ser impedido”. [42.2] 

Um comentário:

Anônimo disse...

Bruna.
Gloria a Deus por essa PALAVRAS, usada por Deus para transmitir essa Flecha e atingir a minha alma :)
Waleu